Empreendedorismo Materno: Conheça os Desafios Dessa Tendência que Ninguém Nunca Te Contou!

O Empreendedorismo Materno no Brasil cresce de forma assustadora. Tenho visto muito glamour nas redes sociais em prol dessa prática. Mas, na verdade, o que de fato acontece poucos sabem. Empreender para a maioria das mães não é luxo e nem realização de um sonho.

Segundo Ana Fontes a criadora da Rede Mulher Empreendedora ( RME), a primeira rede de apoio ao empreendedorismo feminino no país , muitas mulheres vêem no empreendedorismo a luz no fim do túnel após uma demissão . Dessa forma como ela diz e eu chancelo, o empreendedorismo materno no país acontece fortemente na maioria das vezes não por escolha, mas por necessidade.

Foto de uma mulher trabalhando em casa, em uma mesa com notebook, simbolizando o empreendedorismo materno
Empreendedorismo Materno

Dessa forma cada dia aumenta o número de mulheres que com um ou mais filhos no colo começam um negócio sem planejamento, sem experiência e muitas vezes sem dinheiro , porém o que não falta em nós porque eu sou uma delas é a vontade de maternar melhor. E isso não é o suficiente, mas é um grande combustível pra fazer dar certo, porque nessa jornada de empreender a gente precisa de muita força de vontade.

Eu comecei a empreender só com a cara e a coragem, coisa que eu não indico a ninguém. Foram muitas tentativas frustradas, e na verdade só deu certo quando eu estudei o negócio, então estudar é fundamental.

O empreendedorismo materno surge como uma solução fácil, no começo a gente pensa que vai ser lindo trabalhar em casa e ainda ficar perto dos filhos o tempo todo. E de fato isso é perfeito.

Mas o que ninguém conta é que o início é pauleira total ,muitas vezes você vai ter que trabalhar à noite enquanto os filhos dormem, trabalhar com filho no colo vira rotina, comer comida fria será super normal . Se olhar no espelho e não se enxergar também acontecerá, porque são tantas coisas a serem feitas que o salão de beleza ficará sempre em último plano.

É duro, é desafiador, é difícil, mas o privilégio de acompanhar o desenvolvimento dos filhos de perto não tem preço. E isso empreendedorismo materno permite. Então apesar das dificuldades é um caminho compensativo, já que o mercado de trabalho não acolhe as mães.

É uma jornada árdua e gratificante, mas precisamos ter foco, paciência, organização e muito jogo de cintura.

E depois de 5 anos no empreendedorismo materno vou compartilhar algumas dicas que têm feito a diferença na minha caminhada.

Foco

Escolha onde e quando você quer chegar , trace suas metas e siga firme , um dia de cada vez, vencendo etapas sem pular as dificuldades, pois são elas que nos fortalecem.

Paciência

Paciência no empreendedorismo materno é fundamental! Temos o poder de organizar as atividades a serem executadas dentro da nossa rotina de casa, filhos,etc. Mas não temos o poder de fazer com que tudo aconteça do jeito que queremos. Então quando algo foge do programado temos que manter a calma e tentar outra vez, desistir jamais , porque tudo que fazemos é em prol do bem estar dos nossos filhos.

Organização

Separe as atividades de casa do seu trabalho, por mais que você trabalhe em casa , é necessário ter um local e um horário pra trabalhar . Organize sua rotina e seja mais produtiva!

Veja mais dicas de produtividade neste artigo.

Jogo de cintura

Entenda que quem trabalha é você e que seus filhos nem sempre terão sintonia com o seu trabalho, pode ser que no dia mais apertado de trabalho seu filho vai ter um febrão de 39 graus e você vai ter que cuidar. Nesse caso aprender a recalcular a rota é fundamental, mas o ideal é nunca deixar pra executar um trabalho nos 45 minutos do segundo tempo, pois imprevistos acontecem e muito na vida de uma mãe empreendedora. Então sempre que puder antecipe sua tarefas.

Estudo

Sim, estudar é fundamental. Qualquer negócio que você pretenda montar é importante estudar. Eu sei que a vida de mãe é corrida, que é difícil ter alguém para cuidar dos filhos pra gente estudar , eu também passo por isso, porém isso não é desculpa rs,rs. Graças a tecnologia hoje podemos estudar onde e quando quisermos e com a vantagem de podermos assistir as aulas quantas vezes forem necessário.

Empreender não é fácil mas também não é impossível, então se você acha que empreender é pra você, escolha a atividade e siga as dicas acima e força na peruca rs, rs.

Concluindo , com esse artigo eu não quis de forma alguma desencorajar você que está pensando em empreender e sim te preparar psicologicamente para entrar sabendo que esse glamour todo das redes sociais na prática é bem diferente . É uma jornada difícil mas viver a maternidade presente não há dinheiro que pague. Viva a maternidade e o empreendedorismo!

O empreendedorismo materno é sim um caminho a ser seguido pelas mães que buscam exercer a maternidade sem terceirizar

4 Comentários

  1. Avatar

    Sensaaaaacionallll!!!!! Está cada vez melhor esse blog. Só temas e conteúdos incríveis que valem muito a pena!!! Parabéns!!!!

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *